voltar
  • web_bra_prec24h_202002110000_24
11.02.2020 • Soja

Soja: terça-feira deve ter chuvas em todo o país, menos no Sul e na Bahia

O dia deve ser marcado por chuvas em quase todas as regiões do país. Parece até brincadeira, mas essa generalização só não afetará os estados que mais precisam de água para as plantas de soja se recuperarem, caso do Rio Grande do Sul e Bahia, que terão dia seco. Confira abaixo a previsão do tempo completa para cada estado.

SUL

Não há previsão de chuvas para toda a região Sul do país nesta terça-feira. Na quarta a tendência é que algumas garoas cheguem para a parte oeste de Santa Catarina, noroeste do Rio Grande do Sul e sudoeste do Paraná. Mas tudo pode mudar.

SUDESTE

As chuvas não darão trégua para a região Sudeste nesta terça-feira. As lavouras de soja paulistas, localizadas mais na parte central do estado, devem receber temporais, como é o caso de Araçatuba, que pode acumular mais de 25 mm.

Já em Minas Gerais a tendência é de que as chuvas fiquem restritas sul e leste do estado, sem grandes acumulados.

CENTRO-OESTE

Na terça-feira a chuva continua presente sobre o Centro-Oeste sobretudo em Mato Grosso do Sul onde uma baixa pressão atmosférica deixa o tempo instável com condições para temporais e altos acumulados em todo o estado. Tem previsão para temporais, principalmente no final da tarde, em grande parte de Goiás e Mato Grosso, o que vale ressaltar é que a o sol aparece entre nuvens ao longo da manhã a chuva ganha força entre a tarde e ã noite, por isso isso, a chuva em forma de pancadas fortes, com trovoadas mas curta duração. As temperaturas sobem e tem previsão para temporais em Campo Grande e Cuiabá. Toda essa chuva é fortalecida por calor e umidade proveniente de uma banda de nebulosidade de áreas mais ao norte do país.

NORDESTE

Não há previsão de chuvas para as lavouras de soja da Bahia nestes próximos dois dias.

No Piauí, a terça-feira será marcada por fortes instabilidades na parte central, tanto que em Uruçuí os acumulados podem passar dos 35 mm.

 

Já no Maranhão, apesar da expectativa do dia ser chuvoso, os volumes serão bem pequenos, de no máximo 4 mm.

NORTE

Na terça-feira a chuva mais intensa ocorre no extremo oeste do amazonas, no Acre e em Rondônia devido ã formação de um vórtice ciclônico em médios níveis da atmosfera que intensifica os temporais com acumulados expressivos nestas áreas. A chuva também ganha força e será volumosa no norte e centro de Tocantins e no leste e norte do Pará. Essa precipitação vem em forma de pancadas com algumas trovoadas e acumulados significativos. Boa parte dessa chuva acontece por conta dos fortes ventos em altitude, e mais o calor e a alta umidade. Nas demais regiões a chuva é bem mais isolada e rápida, mas com riscos de raios e rajadas de vento. Tempo firme somente em Roraima.